quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Pré-jogo Tombense x América

Enfrentar o Tombense fora de casa, será mais uma oportunidade para Enderson Moreira experimentar uma escalação diferente, mas preservar o sistema de jogo utilizado na conquista da Série B de 2017 e nas rodadas iniciais do Mineiro de 2018.

Aliás, essa padronização tática poderá ser uma das vantagens competitivas para o time americano, com reforços pontuais e de reposição, disputar e permanecer na Série A.

Nos clássicos contra Atlético e Cruzeiro, a limitação mais evidente foi na linha dos três meias.

Aylon, Renan Oliveira e Luan contra o Cruzeiro, Aylon, Serginho e Luan, contra o Atlético, foram bastante improdutivos.

Luan, até nos jogos contra times do interior, rendeu menos do que pode render.

A partida com maior intensidade foi contra o Uberlândia, com Aderlan, Serginho e Aylon.

Contra Tombense, Glauco, em processo de evolução com a sequência de jogos, fará a quinta partida pelo profissional.

Jory também precisa jogar nesta primeira fase.

Aderlan e Carlinhos poderiam ser experimentados nas laterais a fim de aumentar as ultrapassagens, triangulações pelos lados e cruzamentos precisos. Norberto está muito tímido no apoio e Giovanni vulnerável na marcação.

Messias e Rafael Lima permaneceriam para manter a consistência defensiva.

Matheus Ferraz também precisa jogar, até na função de volante.

Ainda falta definir um volante qualificado para formar dupla com Zé Ricardo.

Talvez seja interessante testar dois volantes sem a presença do Zé Ricardo.

O esforçado Juninho carece aumentar o número de desarmes e ser mais produtivo na troca de passes.

Matheus Sales desarmou pouco e foi improdutivo na parte ofensiva.

David e Magrão foram os mais participativos na troca de passes. Magrão é opção para a função de meia-esquerda.

Christian merece uma chance para começar jogando.

Na linha dos três meias, Serginho deve entrar no lugar do Renan Oliveira, machucado.

Serginho apareceu nos três gols marcados contra o Uberlândia, mas desapareceu no clássico contra Atlético. Precisa ter poder de criação e preferencialmente finalização e decisão.

Renan Oliveira manteve os lampejos de produtividade.

David é alternativa para distribuição de jogadas.

Marquinho e Aylon deverão revezar os lados.

Na frente, Rafael Moura, com aproximação dos laterais, volantes e meias.

Provável time e mudanças:

Glauco;
Aderlan, Messias, Rafael Lima, Carlinhos;
Zé Ricardo, David (Christian, Juninho, Magrão, Matheus Sales, Matheus Ferraz);
Marquinhos, Serginho (David), Aylon (Luan);
Rafael Moura (Aylon)

Tombense x América
sexta-feira, 20h30, Tombos
vamos pra cima deles, Coelhô!

---------------------------------------------------------------

Marco Antônio

Nenhum comentário: