sexta-feira, 4 de agosto de 2017

América-MG: Pré-jogo CRB

O América desconstruiu o paradigma de que em time que está ganhando não se mexe.

Enderson Moreira, por opção ou necessidade, utilizou dez formações iniciais diferentes nas sucessivas vitórias conquistadas no Brasileirão.

Contra o CRB, a consistência defensiva, postura ofensiva e efetividade novamente precisam prevalecer a fim de reduzir a dependência do acaso.

De acordo com as circunstâncias da partida, valorizar mais a posse de bola ou acelerar a transição e explorar os contra-ataques.

Rafael Lima, Zé Ricardo e talvez Renan Oliveira deverão retornar ao time.

Rafael Lima e Zé Ricardo vão aumentar a segurança defensiva e Renan Oliveira, provavelmente, aumentará o poder de criação e finalização.

Juninho, Messias, Rafael Lima, e Giovanni deverão formar a primeira linha defensiva.

A improvisação do Juninho na lateral poderá obrigar o meia-atacante pela direita, no caso Matheusinho, a gastar energia ao recuar muito para colaborar na marcação.

Juninho, quando avança, não é especialista nos cruzamentos, enquanto Giovanni é mais eficiente no apoio.

Enderson Moreira poderá optar por um trio de volantes e um trio ofensivo, ou dois volantes, três meias e um centroavante.

David, Ernandes e Zé Ricardo são opções para formar uma dupla ou um trio de volantes.

Além de desarmar, Zé Ricardo também tem capacidade avançar e finalizar.

David cadencia o ritmo de jogo e qualifica a troca de passes.

Ernandes é bastante esforçado, mas precisa minimizar os passes errados e ser mais eficiente nas finalizações.

Ainda Neto Moura, que tem potencial nesta função.

A linha de três meias poderá ser formada pelo Matheusinho, Renan Oliveira e Luan.

Se for trio ofensivo, por Matheusinho, Bill e Luan.

Embora Matheusinho tenha mais potencial para jogar centralizado, com liberdade para atacar, ainda assim, também é produtivo pela beirada. Deveria jogar sem posição fixa do meio para frente.

Apesar da irregularidade, Renan Oliveira foi decisivo quando substituiu Ruy em algumas partidas. Tem poder de finalização e decisão.

Bill e Luan, mais bem preparados fisicamente, deverão aumentar a produtividade e eficiência ofensiva.

Se o resultado estiver positivo, talvez seja uma boa oportunidade para resgatar Felipe Amorim, que poderá ser útil durante o returno.

Provável time:
João Ricardo;
Juninho, Messias, Rafael Lima, Giovanni;
David, Zé Ricardo e Ernandes;
Matheusinho, Bill e Luan;
ou
David ou Ernandes, Zé Ricardo;
Matheusinho, Renan Oliveira, Luan;
Bill

CRB x América
sexta-feira, 21h30, Rei Pelé

Dez vitórias conquistadas pelo Coelhão:

1- Criciúma 1 x 3 América
João Ricardo;
Norberto, Messias, Rafael Lima, Ernandes;
Zé Ricardo, Blanco;
Felipe Amorim (Renan Oliveira), Ruy (Mike), Luan (Hugo Cabral);
Bill

Renan Oliveira saiu do banco para fazer gol.

2- América 1 x 0 Ceará: Duas mudanças em relação a vitória anterior.
João Ricardo;
Norberto, Messias, Rafael Lima e Ernandes;
Zé Ricardo, Willian;
Luan (Hugo Cabral), Ruy (Christian), Magrão;
Bill (Jataí)

3- América 1 x 1 Santa Cruz: quatro mudanças em relação a vitória anterior.
João Ricardo;
Christian, Messias, Rafael Lima e Pará (Willian);
Zé Ricardo, Ernandes;
Hugo Cabral, Renan Oliveira (Matheusinho), Luan (Mike);
Bill

Matheusinho saiu do banco para fazer um golaço.

4- Luverdense 0 x 3 América: uma mudança em relação a vitória anterior.
João Ricardo;
Christian (David), Messias, Rafael Lima e Pará;
Zé Ricardo, Ernandes;
Hugo Cabral (Mike), Renan Oliveira, Luan;
Hugo Almeida (Neto Moura)

5- América 3 X 0 Brasil de Pelotas: uma mudança em relação a vitória anterior.
João Ricardo;
Christian, Messias, Rafael Lima e Pará;
Ernandes, Zé Ricardo;
Hugo Cabral (Matheusinho), Renan Oliveira, Luan (David);
Bill.

6- América 2 x 0 Boa: três mudanças em relação a vitória anterior.
João Ricardo;
Norberto, Messias, Rafael Lima e Pará;
David, Zé Ricardo;
Matheusinho (Magrão), Renan Oliveira (Ruy), Luan (Neto Moura);
Bill

7- ABC 0 x 1 AMÉRICA - quatro mudanças em relação a vitória anterior
João Ricardo;
Norberto, Messias, Rafael Lima e Giovanni (David);
Zé Ricardo, Ernandes;
Neto Moura (Matheusinho) e Ruy, Luan (Magrão)
Bill

8 - AMÉRICA 4 x 2 FIGUEIRENSE - uma mudança em relação a vitória anterior
João Ricardo;
Norberto, Messias, Rafael Lima e Giovanni;
Zé Ricardo, Ernandes;
Matheusinho (Mike), Ruy (David), Luan
Bill (Hugo Almeida)
Técnico: Enderson Moreira

9- JUVENTUDE 0 x 1 AMÉRICA - duas mudanças em relação a vitória anterior
João Ricardo;
Juninho, Messias, Rafael Lima, Giovanni;
Zé Ricardo, Ernandes, Neto Moura (David);
Matheusinho (Hugo Cabral), Bill (Hugo Almeida), Luan

10- AMÉRICA 3 x 2 LONDRINA - duas mudanças em relação a vitória anterior
João Ricardo;
Juninho, Messias, Lima e Giovanni (Willian);
David, Ernandes,
Matheusinho (Magrão), Neto Moura (Hugo Cabral),Luan

Marco Antônio, comentarista AMCE

Um comentário:

dinos disse...

Eu preferia ver um zagueiro a mais, para marcar a lateral direita, a ver o Juninho improvisado de lateral. Essa formação daria liberdade a um jogador mais ofensivo de jogar pela direita, se preocupando mais em atacar, o que pode aumentar a eficiência no ataque, sem prejudicar a consistência defensiva.